Seria dizer muito que NESSA olimpíada o Brasil ta uma completa maravilha decepciosa??? Eu sei que tal palavra não existe (ou será que existe?), poderia colocar decepcionante, mas vou deixar assim mesmo, já que, PARA MIM, o Brasil inventou um nova forma de “ver” ganhas e perdas, então me sinto no DIREITO, de poder inventar algo também e toca o F*$%#@- SE.

Estou exaltado??? Imagina. Pode até ser, mas nesse exato momento não estou preocupado, mas não vou começar a xingar aqui, fiquem tranquilos, rsrsrsrsrs, ainda mais, porque sou bemmmm tranquilo.

A olimpíada poderia ser considerada como um momento “harmonioso” onde a competição é o que importa, então, logo, competir é o que importa, mas, convenhamos, que maravilha de participação competitiva o Brasil ta nos apresentando, é algo de outro nível.

Já vou logo descendo a lenha. O Brasil, se ainda me lembro de minhas aulas de geografia, é o 5º maior país mundial, é um país que possui uma estrutura física F A B U L O S A, que tem um clima F A N T Á S T I C O, relevo F E N O M E N A L, e possui tudo, repito TUDO, para ser um E X T R A O R D I N Á R I O país, em TUDO, ABSOLUTAMENTE T U D O. Mas…

Eu estava ansiosíssimo por essa olimpíada, sério mesmo, queria assistir a tudo, estava esperançoso de que o Brasil fizesse uma grande participação, a melhor de todas. MAS…

Tenho que ser sincero, e isso consigo muito bem ser, não to assistindo a nada, um joguinho aqui, outra coisinha ali, mas nada como eu tinha “querido”. Um jogo que assisti completamente, foi o jogo de basquete entre USA e CHINA. PUTZ, jogão, eu sou fã do Kobe desde muiiiiiito tempo, desde quando ele entrou pros Los Angeles e agora então… O cara é o melhor que existe hoje, claro, sinto falta do Magic Johnson, Michael Jordan, John Stockton (excelente armador do Utah que eu adorava) Scottie Pippen e companhia, hoje em dia não é como antes (não assisto freneticamente como antes, Leste contra Oeste, putz…, pra falar a verdade, não assisto mais), só sei que o Kobe é o cara e isso já me deixa feliz. Então, USA versus CHINA eu assisti muito feliz e, pela única vez, torci pelos Yankes, me perdoem, mas sou fã do Kobe. Depois daquele jogo, pensei em acompanhar a ginástica, torcer pelo vôlei (que particularmente, é a única seleção que merece meu respeito, ganhando ou perdendo, merece meu respeito), e até mesmo torcer pela SELEÇÃO BRASILEIRA DE FUTEBOL (…momento de silêncio…). TOMARA QUE A ARGENTINA GANHE NOVAMENTE A MEDALHA DE OURO.

O Brasil quer sediar uma olimpíada, o que acho fantááástico, mas…

Poxa, qual é o problema do Brasil??? Todos temos respostas, muitas respostas, mas ninguém consegue ir lá pra cima e colocar ordem nesse puleiro. Somos como no futebol mesmo, todos somos técnicos, cheios de soluções, mas na hora de solucionar…. nada. Presidentes, políticos em geral, empresários, times, clubes, centros esportivos, nada tem conseguido solucionar nosso problema, de quem é a culpa. Cada dia mais eu venho refletindo sobre isso e a “resposta” é sempre a mesma. TODOS NÓS SOMOS RESPONSÁVEIS. Se, olhem bem, se todos nós fizéssemos a mínima parte para solucionar esse problema, conseguiríamos encontrar um caminho. Focar num objetivo, dar apoio quem pode, receber esse apoio quem precisa e “sangrar” para conseguir atingir o que quer, poxa, acredito que já é um começo, ou não??????????

Patrocínio, cooperação, incentivo, isso é tão difícil assim, ou custa caro demais??? Perder alguns centavos em educação e esporte é tão cheio de prejuízo assim??? Será mesmo????

Ao invés de construir uma MEGA ESTRUTURA olímpica, acho melhor construir uma MEGA ESTRUTURA esportiva. ISSO SIM.

Muito obrigado.

Anúncios